Skip to content

O PODEROSO ABSINTHO

August 16, 2009

Meu primeiro encontro com esse gentleman foi ha alguns anos atras, por intermedio de um filme do qual nao me lembro do nome nem artistas, mas a minha curiosidade por essa figura “liquidica” comecou ali.

Em um passeio em Washington DC, sem planejamento algum entrei em uma lojinha dessas de indianos,vendem de tudo um pouco e nem sei porque , a pergunta surgiu: Do you have Absinthe? O carinha respondeu : Just a minute .

Nao acreditei no que ouvia, pra mim como sempre ele havia entendido errado a minha pergunta , mas resolvemos esperar. Eu, Laura, nao lembro quem mais,  estavamos em um grupo. Todos curiosos sobre esse famoso liquido verde.

Passados alguns minutos o indiano volta e me chama no final da loja, como ele estava com uma garrafa na mao corri pra ver. Nao era vertigem, nao era visao, nao era engano… There was the famous Absinthe.  Obviamente a pergunta surgiu na minha mente… Mas …essa bebida nao e proibida aqui no pais? Ah, quer saber deixa isso pra la, Indianos sao otimos nisso, parecem ate com brasileiros , pra ‘tudo tem um jeitinho (Por falar nisso como se escreve  “j”ou “g”?) Whatever!  Em US os indianos sao aqueles que poooodemmm tudo!🙂

Sem piscar, peguei a caixa so pra conferir, na duvida…Nesses caras , como em Chinatown , nao se pode confiar. Tchan ! Tchan! tchan!! Era mesmo Absintho, a bebida das fadinhas estava ali nas minhas maos! Claro que nao durou muito tempo nelas , todas as meninas queriam ter o prazer de conhece-la, foi entao que decidimos leva-la.

Experimentando o Absintho:

Misturamos com agua, acucar, um verdadeiro ritual para a fadinha verde dar o ar da graca, tudo conforme a “bula”. Surpresa! Pareciamos estar bebendo um cha forte de erva-doce. No primeiro gole ja haviamos desitido da fadinha. Contudo, todavia, valeu  a compra! Afesta foi legal e a fantasia ficara sempre em nosso sub-conciente. Sera que nosso Absintho era indiano????

Para aqueles que nunca ouviram falar da fadinha verde, seguem algumas explicacoes, quem sabe voces terao mais sorte?

“Absinto” é uma bebida destilada feito da erva Artemisia absinthium. Anis, funcho e por vezes outras ervas compõem a bebida. Ela foi criada e utilizada primeiramente como remédio pelo Dr. Pierre Ordinaire, médico francês que vivia em Couvet na Suíça por volta de 1792.

É por vezes incorretamente chamado de licor, mas é na verdade uma bebida destilada.

O absinto foi especialmente popular na França, sobretudo pela ligação aos artistas parisienses de finais do século XIX e princípios do século XX, até a sua proibição em 1915, tendo ganho alguma popularidade com a sua legalização em vários países. É também conhecido popularmente de fada verde em virtude de um suposto efeito alucinógeno.[1]Charles Baudelaire, Paul Verlaine, Arthur Rimbaud, Vincent van Gogh, Oscar Wilde, Henri de Toulouse-Lautrec e Aleister Crowley eram adeptos da fada verde.

No comments yet

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: